Legislação européia obriga entidades religiosas a contratar ateus